Compartilhar

Trabalhar os músculos do corpo - independentemente do modelo de treinamento, como academias, crossfit ou atividades aeróbicas em locais como praças ou parques - é um objetivo comum a uma grande quantidade de pessoas. Muitos têm o desejo de desenvolver determinadas regiões para assim poder usufruir dos benefícios, tanto estéticos quanto relacionados à saúde. 

Com isso, muito esforço é feito e os resultados aparecem. Porém, há um problema em diversos casos. Por várias vezes, não há um equilíbrio de foco e desta forma apenas áreas em específico do corpo são focadas.  

Geralmente, principalmente em relação aos homens, os membros superiores como o peito e os braços ganham a atenção total. Isso faz com que, por exemplo, barrigas e pernas sejam desvalorizadas e assim esquecidas, fazendo com que falte harmonia e chegando ao ponto de ficar feio em termos visuais, além de sofrer deficiências em realizar atividades cotidianas relacionados a esses membros ignorados.

Para aqueles que têm como meta perder a barriga e ganhar uma maior desenvoltura nas pernas, há atividades físicas focadas nestes objetivos e que, se realizadas de modo correto, apresentam resultados extremamente satisfatórios, fazendo com que se tenha um ganho muscular, perda de gordura e maior flexibilidade, o que pode ser aplicado no dia a dia mesmo em tarefas triviais. 

Como trabalhar bem a barriga e a perna

exercícios-para-barriga-pernas-coxas-quadril

Os melhores exercícios para barriga e pernas podem ser realizados sem a necessidade de um suporte de aparelhos de academia, tornando assim viável a prática até mesmo em casa. Por não haver nenhuma complexidade na execução dos movimentos, as atividades físicas ligadas a estas regiões do corpo são um grande atrativo e motivam o indivíduo a dar início a elas. 

Para começar visando perder a barriga, uma dica importante é pular corda. É uma atividade que muitas pessoas já têm os hábitos de fazer desde crianças e por isso é uma boa porta de entrada. Nela, é exigido um bom condicionamento físico e uma certa coordenação motora. Em situações de dificuldades nos primeiros momentos, o recomendável é começar devagar e aumentar o ritmo conforme o desenvolvimento progressivo da execução.

Outro tipo de exercício que traz uma grande eficiência e abrangência de diversos músculos, sendo assim uma das melhores opções, é o agachamento. Ele atinge as áreas das coxas, glúteos, quadríceps e panturrilhas. Dessa forma, trabalha vários segmentos de uma só vez. Para executá-lo, os pés devem estar lado a lado e no momento de descer o quadril tem que ser projetado para trás. 

É preciso muito cuidado, pois se feito de modo incorreto, o exercício pode gerar diversas lesões. Realizando certo, a coluna fica em estado ereto e o tronco não se movimenta. O agachamento traz ótimos resultados e proporciona uma maior flexibilidade ao indivíduo.

Uma recomendação clássica é a tradicional abdominal. O exercício ajuda a perder a barriga e pode ser realizado em muitos locais. É um tipo de atividade física que já foi adaptada a muitos outras formas, tendo assim diversos tipos e opções de execução e é ideal para a queima de gordura na região, o que traz um ganho estético atrativo. 

Para fazer a abdominal no método mais comum, basta deitar-se, dobrar os joelhos e deixar os pés paralelos. Feito isso, coloque as mãos atrás da cabeça e levante o tronco. Pronto. 

exercícios-para-barriga-abdômen-emagrecer

Porém, caso a abdominal clássico não seja o tipo de atividade física preferida da pessoa, há muitas alternativas. Entre elas, a prancha, que consiste em colocar as duas mãos paralelas ao chão, assim como os pés, fazendo com que haja a divisão do peso do corpo nestes quatro apoios. Há uma certa semelhança com a flexão. A diferença é que aqui o braço não será movimentado. É um bom modelo de treino para perder barriga.

Na academia

 exercícios-para-barriga-pernas-casa-simples

Já para as pernas, embora seja possível realizar movimentos em casa ou então realizando atividades como caminhar e correr, o ideal é que haja um trabalho dos músculos através de aparelhos na academia. Como exemplo, o leg press. Nele, a pessoa realiza séries que visam o fortalecimento da panturrilha. Basta empurrar a plataforma com os pés. 

Além disso, outra opção é recorrer ao Avanço, um dos mais antigos exercícios de musculação, que é ideal para trabalhar quadríceps, coxas e panturrilha. O movimento de execução gera um estímulo aos glúteos. Como suporte, pode ser utilizado tanto barras quanto halteres, os quais o peso vai ser determinado de acordo com o estágio de musculação da pessoa. É um tipo de exercício que requer grande intensidade. 

O nível de treino que o indivíduo se encontra é importante para saber quais serão os aparelhos mais adequados à situação dele. Por isto, para os mais iniciantes e ainda sem condições de suportar grandes cargas, uma opção viável para começar a pegar o ritmo e trabalhar as pernas é praticar o agachamento na máquina. Basta ajustar o aparelho de acordo com o peso, fazer a execução do agachamento comum e segurar as alças do aparelho como modo de auxílio enquanto ainda está se acostumando ao movimento. 

Independentemente de qual seja o exercício escolhido, seja em casa ou na academia, para desenvolver a barriga ou as pernas, é importante ter o acompanhamento de um profissional da área para dar todo o auxílio necessário e passar instruções para que assim a execução seja feita de modo correto e o risco de lesões seja minimizado. Em casos de dores ao praticar algum dos referidos exercícios, não se deve insistir e a primeira atitude a ter é procurar um médico na busca de saber se o indivíduo tem alguma complicação muscular no corpo. 

Os exercícios para barriga e pernas têm grande importância e trazem uma melhor flexibilidade e resistência para diversas situações do cotidiano. Por isso, nunca devem ser ignoradas. Pois, além de trazer vantagens para atividades do dia a dia e proporcionar um ganho estético fortalecendo os músculos e sumindo com a barriga, são benéficas para a saúde da pessoa e trazem melhorias em áreas cruciais como o coração e a respiração. Comece já a fazer exercícios!

Compartilhe:

Perguntas e respostas

Sua Pergunta

Recomendamos para você